Menu

Polícia Federal mata seis ladrões de banco em ação no Paraná

Ao menos seis suspeitos de integrarem uma quadrilha de assaltantes de banco foram mortos pela Polícia Federal durante um confronto no rio Paranapanema, no município de Alvorada do Sul, no Paraná, na manhã desta sexta-feira.

Segundo nota oficial divulgada pela PF de manhã, “equipes das Delegacias de Maringá e Cascavel, ambas cidades do interior do Paraná, entraram em confronto armado com uma quadrilha de assaltantes a banco” e o confronto resultou “na morte de seis criminosos em decorrência da reação violenta à ação polícia“.

De acordo com o agente Marcos Koren, da assessoria de comunicação social da corporação no Paraná, há um sétimo corpo, que ainda será resgatado. Segundo ele, o grupo, que era monitorado pela PF, tentava chegar ao Paraguai quando foi abordado. “Os policiais enfrentaram resistência armada, com fuzis. Tivemos sorte de não termos policiais alvejados.”

O incidente ocorreu por volta das 7h30 – ainda segunda a PF, cerca de três horas antes, o grupo havia explodido duas agências bancárias no município de Cruzália, interior de São Paulo. “Este grupo possui ‘modus operandi’ semelhante a outras cinco ocorrências de explosão e roubos a banco em municípios do interior de São Paulo e Paraná”, afirmou a PF.

De acordo com Koren, diligência feita pela PF após a ação encontrou na zona rural explosivos que seriam do grupo. Segundo a PF em Curitiba, “o resultado dos trabalhos de hoje (sexta)” é decorrente de serviços integrados de inteligência entre a Polícia Federal e Departamento de Inteligência do Estado do Paraná, órgão da Secretaria de Segurança Pública do Estado.

A AÇÃO

Os Policiais fizeram então um cerco por rotas de fuga usada pelo bando, e por volta das 07h30min, se depararam com o bando no Rio Paranapanema, entraram em confronte e teve troca de tiros entre os bandidos e os Policiais. Seis dos bandidos foram baleados e mortos no local.

Sendo apenas dois bandidos identificados até o momento, um ex-jogador do Londrina Esporte Clube, João Renato de Paula, de 35 anos, e Fernando Rosalino Hernandes, de 36 anos. De acordo com a PM, havia contra ele quatro mandados de prisão pelos crimes de roubo, receptação e outros.

Os trabalhos estão sendo realizados com o apoio de equipes da Secretaria de Segurança do Paraná. Segundo a PF, os policiais recuperaram os malotes com dinheiro roubado e apreenderam armas e explosivos usados pelos bandidos.

Logo após o confronto, Policiais Militares de Alvorada do Sul localizaram em uma chácara munições e explosivos. Ao que tudo indica o local era usado pelo bando que foram mortos no confronto com a Polícia Federal no Rio Paranapanema.

Confira fotos de sites jornalísticos da região e da Assessoria da PF.

 

11 12 141516202224

Fonte: Veja.com.br e tabajaranoticias.com.br

0

A Redação do OndaTOP, é responsável pelo compartilhamento de informações relevantes ao público do Canal, e pela editoria oficial de materiais que sejam elaborados a pedido da gestão do Grupo DigiCOM Comunicação.