Menu

NO MAPA: Dados de acidentes de trânsito em PVH são georreferenciados pelo DETRAN

Com mais de oito meses de trabalho a Coordenadoria do Registro Nacional de Acidentes e Estatísticas de Trânsito (RENAEST), do Departamento Estadual de Trânsito de Rondônia (DETRAN-RO) desenvolveu um método de georeferenciamento de dados de acidente de trânsito, através do Google.

A equipe georeferenciou (expôs as coordenadas geográficas, informando o ponto certo de determinada localização), todos os acidentes de trânsito do primeiro semestre de 2017, em Porto Velho.

1216 acidentes foram cadastrados manualmente, sendo destacadas a data, horário, a via, bairro, qual o fator contribuinte do acidente, as consequências, que tipo de acidente, veículo, as condições do tempo e tráfego.

Com a coordenada geográfica exata os gestores do Detran terão como organizar com perfeição os pontos de blitzes e campanhas de educação. “Quando formos fazer uma operação de prevenção de acidentes, saberemos qual o melhor horário e local para colocarmos os agentes. É importantíssimo para tomada de decisões estratégicas”, explicou Iremar Lima, Coordenador do RENAEST, ressaltando que a ideia do projeto é municiar o máximo possível os gestores para que eles tomem decisões baseadas em dados exatos.

É literalmente uma fórmula que salva vidas. “Criamos uma rotina de trabalho, desenhamos um método e buscamos qualidade na informação para melhorar o trânsito da capital”, disse Iremar Lima.

Além dos benefícios para segurança viária o georeferenciamento de dados também é relevante para a comunidade acadêmica. Os estagiários do RENAEST, Lorran Freitas e Fabrício Pires, alunos de engenharia e geografia, que fazem parte da equipe de coleta de dados, destacam que através do mapeamento de calor dos pontos de acidentes críticos da cidade um universo de possibilidades pode ser estudado.

Fonte: Assessoria

0

Anderson Guizolfe
Anderson Guizolfe é jornalista, fotógrafo profissional e se aventura no marketing e em novas tecnologias. Faz coberturas fotográficas dinâmicas em diversos eventos, e à 12 anos garimpa informações e notícias entre uma faculdade ou outra, e o serviço público.