Menu

É DE METRALHADORA: Dupla é surpreendida à tiros, um morre, outro fica em estado grave

Poderia ser apenas o refrão daquela música que tocou no carnaval, mas não foi. Na noite desse sábado (13) para domingo,  Nazareno P. M., de 35 anos foi metralhado e morreu. O fato aconteceu na Rua Antônio Violão, no bairro JK II, na Zona Lesta da Capital Porto Velho. Nazareno estava em frente a casa conversando com uma segunda pessoa identificada como Bruno L. N. de 29 anos, e foi atingido por 17 disparos, Bruno, levou um tiro no pescoço.

Segundo informações levantadas pela Polícia, um carro de cor escura se aproximou das vítimas que estavam sentadas na frente de uma residência, e dois homens desceram do veículo com armas longas  e passaram a efetuar rajadas contra os vitimados no atentado.

A ação foi rápida e os suspeitos fugiram tomando rumo ignorado em alta velocidade. As vítimas foram socorridas  por populares e levadas em um automóvel particular para a UPA Leste.  Nazareno já chegou morto à unidade de atendimento.

A vítima identificada como Bruno recebeu os primeiros atendimentos e foi transferido pelo SAMU para o hospital João Paulo II em estado grave.

O NOME DA BANDA

Conforme informado pela polícia, Nazareno era suspeito de pelo menos cinco homicídios e um sujeito de alta periculosidade, e muito temido na região. O mesmo estava sendo investigado por outro assassinato ocorrido a menos de um mês na zona Leste, então, se a metralhadora cantou, pode ser que a “Vingadora” seja apenas quem puxou o gatilho, afinal Nazareno tinha passagens por homicídio, tentativa de homicídio e porte ilegal de arma.

A polícia procederá com as investigações para elucidar mais este bárbaro crime e espera-se que com informações prestadas pelo sobrevivente, possa-se localizar os autores dos disparos. O corpo foi removido para o Instituto Médico Legal.

Texto por Anderson Guizolfe SRT 1379/RO
Com informações da Secretaria de Segurança Pública, NewsRondônia, Rondoniagora e Rondoniaovivo

0

Anderson Guizolfe
Anderson Guizolfe é jornalista, fotógrafo profissional e se aventura no marketing e em novas tecnologias. Faz coberturas fotográficas dinâmicas em diversos eventos, e à 12 anos garimpa informações e notícias entre uma faculdade ou outra, e o serviço público.