Menu

CUIABÁ: Taxista é morto a facadas, degolado e esposa recebe fotos por whatsapp

Um crime brutal e  chocante. É assim que pode ser descrito o assassinato de um taxista em Cuiabá. Além de cometerem o ato brutal, muito parecido com as execuções filmadas do Estado Islâmico, os assassinos do o taxista Douglas da Silva Dantas, 34, gravaram um vídeo mostrando sua execução ocorrida na noite da terça-feira (8). As imagens foram compartilhadas em grupos de WhatsApp.

O corpo do taxista foi encontrado nesta terça-feira, próximo ao aterro sanitário do Barreiro Branco, zona rural de Cuiabá. Segundo a perícia ele morreu com diversas facadas pelo corpo.

A imagem que o jornalístico local FOLHAMAX teve acesso, mostra a vítima imobilizada e amordaçada caída no chão. Em vídeo os assassinos se diziam membros da organização criminosa Comando Vermelho, e assassinando o membro do Primeiro Comando da Capital (PCC), eles afirmavam que estavam “cumprindo uma missão” com a execução do taxista.

Em seguida, uma das pessoas em posse de uma faca degola o taxista – é possível também ouvir que um dos homens presente recebe um áudio por meio de seu telefone em que pedem para que o homicídio fosse filmado.

De acordo com o que já foi apurado pela Polícia Civil, a família do taxista havia recebido imagens dele ainda vivo pela noite, mas instantes depois, foi divulgada com uma imagem dele já degolado.

Ao receber a denúncia dos familiares, policiais iniciaram as buscas e conseguiram encontrar o corpo da vítima degolada ao lado de um carro vermelho, próximo a uma lagoa na manhã de ontem, quarta-feira.

Familiares do taxista que estiveram no local do crime e reconheceram o corpo. Eles contaram que o taxista saiu na noite de ontem após ser convidado por um conhecido. Segundo eles, esse mesmo rapaz enviou as imagens de sua morte. 

As imagens estão sendo analisadas por policiais da Delegacia de Homicídios e Proteção a Pessoa. 

Como as imagens são fortes, segue o o áudio do diálogo entre os assassinos.

Com informações e Audio de FolhaMAX

2

Anderson Guizolfe
Anderson Guizolfe é jornalista, fotógrafo profissional e se aventura no marketing e em novas tecnologias. Faz coberturas fotográficas dinâmicas em diversos eventos, e à 12 anos garimpa informações e notícias entre uma faculdade ou outra, e o serviço público.