Menu

CASO JÉSSICA: Delegado indicia namorado e primo dele por morte de adolescente de 17 anos

Suspeito de matar a namorada Jéssica Hernandes Moreira, de 17 anos, após um teste de fidelidade, Ismael Silva e o primo dele, Diego Parente, foram indiciados por homicídio qualificado e ocultação de cadáver pela Polícia Civil de Cerejeiras. O inquérito foi apresentado ao Ministério Público. Também foi solicitada a prisão preventiva dos dois.

A garota desapareceu no dia 20 de abril deste ano, após sair de casa em uma bicicleta. Seu corpo foi encontrado quatro dias depois, na Linha 4, Zona Rural de Cerejeiras. No dia do velório da adolescente, três pessoas foram levadas para a Delegacia da Polícia Civil onde prestaram depoimentos.
O namorado da vítima, Ismael Silva, o primo dele, Diego Parente; e a esposa de Diego. No mesmo dia 26, o delegado Rodrigo Spiça pediu a prisão temporária dos três, mas dias depois a esposa de Diego foi solta, por falta de provas que a envolvesse no caso.

Folha do Sul
0

A Redação do OndaTOP, é responsável pelo compartilhamento de informações relevantes ao público do Canal, e pela editoria oficial de materiais que sejam elaborados a pedido da gestão do Grupo DigiCOM Comunicação.