Menu

Motociclista foge de guarnição policial, fura bloqueio e leva tiro de fuzil no pé em Ariquemes

Por volta das 09hs de sábado (08) uma guarnição da Polícia Militar se encontrava em patrulhamento pela 12ª Rua do Setor 01, quando próximo a Avenida Tabapuã avistaram o condutor da motocicleta Honda CBX 250 Twister de cor preta e placa NDT-2393 de Porto Velho – RO pulando o canteiro central daquela avenida e ao avistar a guarnição iniciou fuga.

Tiro de fuzil no pé

Tiro de fuzil no pé

A partir de então iniciou-se um acompanhamento onde por várias vezes a guarnição deu ordem de parada as quais foram desobedecidas pelo motociclista.

Diante dos fatos a referida guarnição solicitou apoio das demais guarnições e iniciaram o cerco no intuito de interceptar o motociclista quando em dado momento o motociclista que fugia Avenida Jaru sentido Avenida Tancredo Neves, quando próximo a panificadora “Pim Pão” foi montado bloqueio policial, porém ao avistar o bloqueio, o motociclista investiu contra os policiais e pedestres que ali estavam vindo a atingir um dos policiais que estava dando ordem de parada e quase atropelar uma criança que estava próximo no local.

No momento em que o agente atingiu o policial militar a maçaneta do lado esquerdo da motocicleta acertou a mão e o armamento (carabina .556) causando assim um disparo acidental que atingiu o pé esquerdo do motociclista. Nesse momento o motociclista furou o boqueio policial e evadiu-se com direção perigosa ameaçando pedestres que ali transitavam, porém aproximadamente uns 400 mts depois do bloqueio a guarnição conseguiu abordar o motociclista próximo da escola “Chapeuzinho Vermelho” onde foi dada voz de prisão para o mesmo.

A guarnição que estava no bloqueio policial, fez contato com os populares que ali estavam para averiguar se o disparo havia atingido mais alguém, porém ninguém mais havia sido atingido e a guarnição seguiu para a abordagem.

Ao indagar sobre o motivo que levou o motociclista a evadir-se da guarnição, este informou que estava irregular sem documentos de porte obrigatório.

No momento da abordagem o motociclista não portava nenhum tipo de documento e de imediato foi acionado a equipe do Corpo de Bombeiros que compareceu no local e prestou os primeiros socorros e em seguida foi encaminhado ao Hospital Regional.

A motocicleta foi encaminhada ao CIRETRAN e após ter alta no hospital o motociclista foi apresentado na Delegacia de Polícia Civil para medidas cabíveis.

Fonte: Alertanoticias.com.br

0

A Redação do OndaTOP, é responsável pelo compartilhamento de informações relevantes ao público do Canal, e pela editoria oficial de materiais que sejam elaborados a pedido da gestão do Grupo DigiCOM Comunicação.