Menu

Grande abstenção no Brasil e em Rondônia pode ter influenciado resultado das eleições

O altíssimo número de abstenções tanto no Brasil quanto em Rondônia pode ter influenciado diretamente o resultado das eleições em nível nacional e estadual.

Dilma Rousseff, do PT, foi reconduzida ao Palácio do Planalto para gerenciar o Brasil por mais quatro anos. A petista totalizou 51,64% dos votos válidos. O tucano Aécio Neves, derrotado, ficou com 48,36%.

O total, somando brancos e nulos, chegou a 112.682.849 (cento e doze milhões seiscentos e oitenta e dois mil oitocentos e quarenta e nove) votos.

Neste cenário, a abstenção foi de 21,10%, ou seja, 30.137.317 (trinta milhões cento e trinta e sete mil trezentos e dezessete) eleitores deixaram de ir às urnas no segundo turno para escolher um dos dois candidatos à Presidência da República.

Em Rondônia, onde Confúcio Moura (PMDB) foi reeleito com 53,43% dos votos válidos e Expedito Júnior, do PSDB, derrotado com 46,57%, muitos eleitores também se abstiveram de cumprir com seu dever cívico, chegando a um percentual de 24,35%. Em outras palavras, 274.325 (duzentas e setenta e quatro mil trezentas e vinte e cinco) pessoas deixaram de votar no estado.

Levando os dados em consideração, os números finais deste pleito poderiam ser diferentes. A diferença de votos entre Confúcio e Júnior foi de 53.856 (cinqüenta e três mil oitocentos e cinqüenta e seis).

Já entre Dilma e Aécio foi de apenas 3.459.141 (três milhões quatrocentos e cinqüenta e nove mil cento e quarenta e um) de votos. Subtraindo a diferença entre os dois do total de abstenções, o número ainda fica em 26.678.176 (vinte e seis milhões seiscentos e setenta e oito mil cento e setenta e seis).

Leia mais em http://www.rondoniadinamica.com/arquivo/grande-abstencao-no-brasil-e-em-rondonia-pode-ter-influenciado-resultado-das-eleicoes,80226.shtml

 

0

A Redação do OndaTOP, é responsável pelo compartilhamento de informações relevantes ao público do Canal, e pela editoria oficial de materiais que sejam elaborados a pedido da gestão do Grupo DigiCOM Comunicação.