Menu

Etapa de abertura do Velocross 2011 é sábado em Alta Floresta D’Oeste

Matéria Atualizada em 02 de Maio às 14:30 horas.

Confira as fotos da Corrida em Alta Floresta na Galeria – Clique Aqui !

 

Abrindo oficialmente a temporada 2011 de motociclismo de Rondônia, a cidade de Alta Floresta receberá no próximo fim de semana o circo do Velocross para a Etapa de abertura do Campeonato Estadual da modalidade. Medindo 900 metros de extensão, a pista do Adão já está pronta para a aguardada festa de adrenalina e velocidade, que começa no sábado á tarde com a realização dos treinos livres. No domingo as máquinas voltam á pista, pela manhã com as tomadas de tempo e na sequência acontecerá a largada da primeira de nove baterias, envolvendo cinco diferentes categorias.

 

Participantes de todo o estado de Rondônia estarão presentes na Etapa de Abertura do Estadual de Velocross em Alta Floresta D'Oeste (Foto- Divulgação)

Participantes de todo o estado de Rondônia estarão presentes na Etapa de Abertura do Estadual de Velocross em Alta Floresta D'Oeste (Foto- Divulgação)

Preocupados em proporcionar conforto e segurança aos presentes na festa de abertura do Velocross rondoniense, na semana que antecede a prova, a equipe técnica da Federação de Motociclismo de Rondônia – FMR trabalha incansavelmente na preparação do espaço e montagem das estruturas que irão abrigar pilotos, equipes e público. Israel Ferreira e “Seu” Adão, promotores local do evento, também trabalham para cumprir as normas impostas pela entidade responsável pela realização dos eventos de motociclismo no Estado de Rondônia.

A pista do Adão, que em 2010 sediou uma das provas mais emocionantes do ano, recebeu melhorias, ficando com um traçado ainda mais competitivo, além de ter sido ampliado o espaço destinado aos Box e local de acomodação do público. O valor cobrado pelo ingresso será de R$ 5,00 por pessoa. Toda a via de acesso a pista foi restaurada pela prefeitura de Alta Floresta. Os organizadores informam ainda que haverá praça de alimentação no local.

Conforme lembrou o presidente da FMR, Reinaldo Selhorst, para a temporada 2011 a federação quer garantir conforto ao público durante as provas do velocross e para tal serão montadas arquibancada móvel em estruturas metálicas, camarote vip para receber as autoridades, banheiros químicos, entre outros benefícios. O presidente garantiu ainda um incentivo maior aos pilotos, confirmando um aumento na ordem de 50% sobre a premiação paga aos pilotos melhores classificadas a cada etapa.

 

Pilotos na Pista do Adão em 2010

Pilotos na Pista do Adão em 2010

“Ainda não é tudo o que precisa ser melhorado, mais estamos trabalhando para que 2011 seja um ano de superação para o motociclismo do estado. Nosso objetivo é que Rondônia tenha um dos melhores, mais forte e bem estruturado campeonato do país”, argumentou Selhorst.

Os principais pilotos do Velocross de Rondônia já estão confirmados para a prova do próximo fim de semana, na Etapa de abertura da temporada, entre eles os campeões de 2010 – João Chagas (230cc), Zé Pereira (150cc), Osmar Canales (Sênior) e Flávio Pereira (100cc), além do piloto da casa Hérico Flores, uma das revelações do velocross e que neste ano irá competir nas categorias 150cc e Força Livre. São aguardados para a temporada 2011 em torno de 100 pilotos para o Estadual de Velocross.

Para a temporada 2011 de Velocross, mais uma vez a FMR contará com as parcerias importante das prefeituras de cada município envolvido, além do apoio do Ministério dos Esportes, Petrobras, Eletrobras, senador Valdir Raupp, senador Acir Gurgacz, deputada federal Marinha Raupp, deputado federal Natan Donadon, deputado estadual Valdivino Tucura, MegaBom Sorvetes, Castilhos Estruturas Metálicas, Cairu Transportes, Lind’água e Ciclo Cairú.

Fonte: FMR – www.fmr.esp.br

***

 

0

Anderson Guizolfe
Anderson Guizolfe é jornalista, fotógrafo profissional e se aventura no marketing e em novas tecnologias. Faz coberturas fotográficas dinâmicas em diversos eventos, e à 12 anos garimpa informações e notícias entre uma faculdade ou outra, e o serviço público.